7 coisas de como funciona o novo sistema de pagamentos Pix

A partir de 16 de novembro de 2020 os brasileiros poderão enviar e receber dinheiro na hora com o novo sistema de transferências e pagamentos do Banco Central, o Pix.

1-Pix Cobrança

O serviço que permitirá a lojistas, prestadores de serviço e demais empreendedores emitam um QR Code para a realização de pagamentos imediatos, tanto em pontos de venda quanto em comércios eletrônicos. Com apenas um código QR Code você paga instantaneamente.

2-Mais rápido

O Pix poderá diminuir os prazos de entrega de compras feitas pela internet. Enquanto o boleto bancário demora um dia ou dois para registrar o pagamento, o Pix fará isso em segundos. Envie ou receba qualquer valor em até 10 segundos, direto pelo seu celular.

3-Uso

O Pix poderá ser utilizado em todos os dispositivos eletrônicos de instituições financeiras ou de pagamento, como aplicativos para smartphones e caixas eletrônicos. 

4-Sem taxas

Você poderá transfirir qualquer valor para quem você quiser sem precisar pagar nenhuma taxa.

5-Segurança

Reguladas pelo Banco Central, suas operações também contam com a nossa segurança.

6-Sem essa de funcionar apenas em dia útil

Com o Pix os brasileiros poderão fazer transferências e pagamentos 24 por dia e 7 dias por semana. As transações podem ocorrer de madrugada, em finais de semana e feriados, sem interrupções.

7-Chave Pix

É necessário cadastrar suas chaves Pix nos bancos e instituições financeiras que você utiliza. Você poderá transferir dinheiro de qualquer banco com uma informação só, seja e-mail, telefone ou CPF. Para cada conta você escolhe qual será a sua chave.

Texto | Késia Paos | @kesiapaos