7 razões para visitar Eldorado, a quarta maior cidade de São Paulo

Explore as belezas naturais e culturais do município de Eldorado em São Paulo. O município é formado pela sede e pelos distritos de Braço, Itapeúna e Batatal onde os visitantes podem desfrutar da natureza e contemplar as mais belas paisagens da Região.

1-Caverna do Diabo

A Caverna do Diabo é o principal atrativo de Eldorado e fica localizada no Parque Estadual Caverna do Diabo. Essa é considerada a maior caverna do Estado de São Paulo, repleta de amplas galerias e formações rochosas iluminadas por luzes naturais e artificiais. 

Salão da Catedral – Parque Estadual Caverna do Diabo

2-Cachoeira de meu Deus

Com 45 metros de queda e piscina natural de águas cristalinas também merece visita. O acesso é por trilha e o trekking é considerado de nível médio, com 40 minutos de duração.

@cpaiva1985

3-Trilha pelo Vale das Ostras

Se você gosta de aventura e tiver disposição pode fazer a trilha do vale das ostras que são cerca de 9km de caminhada passando por 12 cachoeiras. O ideal é escolher dias quentes para o passeio molhado.

4-Cachoeira do Sapatú

Visite a cachoeira do sapatú localizada no município de Eldorado SP. Acesso pela rodovia SP-165, sentido caverna do diabo.

5-Igreja Nossa Senhora da Guia

Igreja Nossa Senhora da Guia é uma  Igreja bonita e antiga, bem no centro da cidade de Eldorado. É um ponto de encontro entre os moradores e tem uma pracinha com ambiente bem agradável.

6-Mirante do Governador Trail

A sensação é que você está próximo do céu com uma visão em 360º da Mata Atlântica. Apesar de ser um trilha curta de apenas 900m, é bastante puxada. Leve uma garrafinha de água e aprecie a vista maravilhosa.

7-Visita ao Quilombo

No Circuito Quilombola, o turista pode descobrir mais informações sobre o povo quilombola além de visitar sambaquis de grande interesse arqueológico, saborear pratos típicos da gastronomia quilombola, a entre muitas outras experiências enriquecedoras. Site circuitoquilombola.org.br.

@sinarastos

Texto | @kesiapaos | Késia Paos