Deputado que é eleito para legislar e assume vaga no Executivo, qual a lógica?

#PenseComigo

Em suma, alguns parlamentares do Distrito Federal, que foram eleitos para legislar e fiscalizar o executivo. Tem aceitado cargos para integrar o governo Ibaneis Rocha e deixam de cumprir o desafio no qual foram eleitos, que é ser um representante de todo o povo na Câmara Legislativa do DF.

É fato que há vários interesses em estar no executivo, comandar administrações, secretárias e por aí vai. Mas, quem foi eleito para ser voz na CLDF, não deveria virar puxadinho do executivo. Afinal, já dizia a música e os [ memes ] “Cada um no seu quadrado”. Essa frase resume toda sintonia que deveria acontecer na política.

Em tempos de tanta transparência. Quem faz jus as promessas que lançou ao vento para fazer política. Merece respeito e muita notoriedade. E, aqui no blog, vamos pautar quem leva com seriedade o que fala aos ventos e aos assentos.

O legislativo local tem 24 deputados distritais. No comando, o deputado do MDB/DF Rafael Prudente, que é presidente atual , mesmo partido do governador do DF. E, há outros nomes que seguem na independência. Mas, o marco triunfal é a diversidade, pluralidade e os possíveis universos, que contrastam o cenário político local.

Eldo Gomes
*Pense Nisso!

eldogomes.com.br

Por @EldoGomes | Jornalista Multimídia e YouTuber.