DF: Deputados condenam interdição de Beco da Cultura

Alguns deputados distritais condenaram na sessão ordinária desta terça-feira (21) a ação de um fiscal da Agência de Fiscalização (Agefiz) que interditou vários espaços no chamado Beco da Cultura, em Taguatinga Sul, antigo Mercado Sul. O deputado Prof. Reginaldo Veras (PDT), morador da região, destacou que o local foi revitalizado na última década e hoje é um importante polo de cultura, ocupado por artistas, artesão e cooperativas. “Estas pessoas trocaram o lixo e a sujeira que tomada conta do lugar e deram espaço à vida”, elogiou.

Veras classificou a ação do fiscal de arbitrária e abusiva ao mandar lacrar os espaços. O distrital sugeriu que a Comissão de Direitos Humanos da Câmara acompanhe o caso atentamente. Sugeriu ainda que os fiscais da Agefis passem por cursos de relações humanas.

O presidente da Câmara, deputado Joe Valle (PDT), considerou a ação inadmissível e criticou o “desconhecimento completo” do fiscal. Valle sugeriu a votação de uma moção de repúdio à ação do fiscal.

A deputada Luzia de Paula (PSB) também afirmou que conhece o local e elogiou o trabalho lá desenvolvido. Ela também criticou a ação da fiscalização. “O povo que não respeita a cultura é um povo sem história”, completou.

Sobre eldogomes.com.br 7254 Artigos
Por @EldoGomes | Jornalista e YouTuber.