Instituto Campus Party entrega de certificados nesta quarta em Brasília

Evento que será realizado pela primeira vez presencialmente, após a quarentena, contará com a presença do Governador do Distrito Federal e espera receber cerca de 100 dos 500 alunos formados.

No dia 20 de outubro (quarta-feira), o projeto Include, promovido pelo Instituto Campus Party, realiza a primeira cerimônia presencial, desde o início da quarentena, para entrega de certificados aos estudantes que concluíram o curso Include no primeiro semestre de 2021. A expectativa é receber cerca de 100 dos 500 alunos formados no primeiro e segundo ciclo de aulas on-line, das 13 unidades do projeto localizadas no Distrito Federal – DF.

O evento será realizado no Salão Branco do Palácio do Buriti, em Brasília, às 11h, e contará com a presença doGovernador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha; doSecretário de Ciência, Tecnologia e Inovação do Distrito Federal, Gilvan Máximo; do presidente do Instituto Campus Party, o Francesco Farruggia; e da diretora do Projeto Include, Sidiane Zanin. E terá, ainda, a participação dos deputados distritais Martins Machado, Júlia Lucy, Daniel Donizete e Leandro Grass, responsáveis pelas emendas que contribuíram para a implantação do Include no DF.

Em agosto, o projeto retomou as aulas em formato híbrido (presencial e remota), em Brasília e mais três estados: Rio de Janeiro, Goiás e Rio Grande do Norte, seguindo todas as medidas de proteção e orientações dos órgãos de saúde para prevenção do Covid-19. “Devido às restrições impostas pela pandemia esses jovens tiveram o primeiro contato com a robótica de forma digital, de suas casas. Eles aprenderam conceitos introdutórios de ferramentas tecnológicas, simularam em plataformas digitais e criaram projetos a partir de materiais reciclados. Agora com a retomada presencial eles podem agora colocar em prática todas os aprendizados e ideias nos Laboratórios”, explicou Francesco Farruggia, presidente do Instituto Campus Party.

Para Sidiane Zanin, diretora do Projeto Include, “são esses aprendizados complementares que regem a educação do futuro. É a mistura do digital com presencial. Em casa eles aprenderam a construir, por exemplo, um óculos de realidade virtual usando materiais reciclados. No Laboratório eles poderão conhecer e experenciar a realidade virtual”.

O Include é um programa social que tem por objetivo promover a educação e difundir o uso da tecnologia, por meio do ensino gratuito da robótica, programação, eletrônica, sensores e mecânica para jovens e adolescente com idade entre 12 e 20 anos moradores de comunidades carentes. As unidades contam com a parceria da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (SECTI). “O Include traz oportunidade de inclusão e faz a tecnologia e a inovação chegarem onde dificilmente chegariam”, ressalta o secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação do DF, Gilvan Máximo. 

Além destes, o Include já possui instalações em Santa Catarina, Rio de Janeiro, Goiás, Rio Grande do Norte e Bahia, e ainda, Belo Horizonte, Amazonas e Rio Grande do Sul que estão em fase de implementação. O projeto, ainda, conta com o apoio do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas – SEBRAE, do CRC INAC – Instituto Nova Ágora de Cidadania, do Programando o Futuro, do CONIF – Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica e da GOUVÊA Ecosystem.

@EldoGomes

▶️ Jornalista | Podcaster | You7tuber | Acompanhe no Instagram @EldoGomes | comercial@eldogomes.com.br