Rafael Prudente explica compra dos carros de até R$ 89 mil na Câmara do DF

O presidente da Câmara Legislativa do Distrito Federal, Rafael Prudente (MDB), afirmou nesta terça-feira (12) que os cinco carros sedã a serem licitados não servirão para todos os deputados da Casa. Eles serão de “uso institucional no transporte de integrantes da Mesa Diretora, do cerimonial e do Copol [Coordenadoria de Polícia Legislativa]”, declarou.

A informação diverge do que foi divulgado pela própria Câmara no Diário Oficial desta segunda. Ao anunciar o pregão, a publicação falava em “transporte rodoviário de deputados distritais, membros da Mesa Diretora e servidores da Câmara Legislativa do DF em atividades parlamentares e administrativas”.

Segundo ele, a necessidade da compra é baseada em estudos que apontaram “gastos altos de manutenção da frota pelo tempo de uso”.

A frota atual da Câmara é composta por sete carros em condições de uso, modelo Ford Fusion 2012, que devem ser substituídos pelos novos veículos. De acordo com o presidente da Câmara, estes carros antigos serão leiloados.

Na nova licitação, a Câmara trouxe exigências:

  1. Carro tipo Sedan, cor preta
  2. Biocombustível – aceitam álcool e gasolina
  3. Potência mínima de 140 CV
  4. Sensor de estacionamento
  5. Zero quilômetro
  6. Sistema de som com quatro alto-falantes

O pregão será feito apenas pela internet, no dia 26 de março. O valor estimado é de R$ 449.500. Por veículo, a Câmara poderá pagar até R$ 89.900 por carro.

A oferta vencedora será a que oferecer o menor preço. Ou seja, apesar do valor de referência, o gasto deve ser inferior à estimativa prevista no edital.

Sobre eldogomes.com.br 7240 Artigos
Por [email protected]EldoGomes | Jornalista e YouTuber.