Tecnologia no DF: O futuro da internet 5G marca presença em Brasília

Além do título de Patrimônio Mundial da Humanidade, Brasília também caminha para ser a primeira cidade inteligente do país. O sonho de ter à mão aparelhos operados por inteligência artificial, com tempo de resposta imediatos, já começa a se concretizar pelos passos que o Governo do Distrito Federal tem dado – como a sanção, no início deste mês, do Plano Distrital da Internet das Coisas. Aqui se traçam as diretrizes de criação de uma política para estimular a aplicação de alta tecnologia na prestação de serviços voltados à conexão com velocidade 5G.

Um pouco de toda a complexidade desse universo já pode ser visto e sentido na prática no Laboratório de Testes 5G, do Parque Tecnológico de Brasília – o Biotic, uma subsidiária da Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap).

“O 5G é o que habilitará a Internet das Coisas, e Brasília criou aqui no Parque Tecnológico o primeiro ambiente de testes permanente desta tecnologia em todo o país – uma velocidade fantástica para suportar esse novo mundo que se apresenta”, destaca o presidente do Biotic, Gustavo Dias Henrique.

Velocidade superior

O laboratório oferece experiências inéditas em relação ao tempo de resposta, após o acionamento de um único comando na internet. Além de dois aparelhos de celular 5G disponíveis para teste, é possível fazer uma visita virtual a uma fábrica operada por óculos digitais com o mesmo recurso. Um clique para carregar uma página parece mais rápido que um simples estalar de dedos.

“O 5G é uma nova proposta que atenderá a dois tipos de público: o cidadão, que navegará até dez vezes mais rápido em seu telefone, e o empreendedor, que enxerga lá na frente como pode aprimorar seu negócio”, aposta o diretor de Negócios, Ciência, Tecnologia e Inovação do Biotic, Leonardo Reissman.

eldogomes.com.br

Jornalista de Entretenimento e Streamer. @EldoGomes está sempre ao vivo no 🔴 YouTube.com/eldogomestv. Blogueiro há 11 anos sobre Turismo, Entretenimento e Política,