O que fazer em Brasília: Mostra do Filme Livre no CCBB

Vai começar em Brasília a grande festa do cinema independente brasileiro. Após quatro anos, a MOSTRA DO FILME LIVRE está de volta à Brasília ao vivo e presencialmente! 

A 20ª MFL na capital promete ser inesquecível em vários sentidos, além de quase cinco semanas de exibições e debates, a Cabine Livre, feita especialmente para a MFL mostrará diariamente VídeoArtes exibidas em looping. A cereja no bolo de 20 anos de evento é uma oficina de VideoArte. Todas as atividades tem entrada franca.  

Para a abertura do evento, na quarta-feira, 22/11, teremos ilustres convidados/as, como a cineasta Paula Gaitán e o cineasta Walter Fernandes Jr., ambos premiados na edição carioca deste ano. Além disso, serão exibidos dois curtas de Brasília: “Aves coloridas”, de Angelo Pignaton, e “Paisagem em chamas”, de Silvino Mendonça; o curta Um inferno sem lazer de Nilson Primitivo (em memória), o curta “Nenhuma fantasia”, de Gregorio Gananian e Negro Leo, e o média “A estratégia da fome”, de Walter Fernandes Jr, ambos premiados na MFL RJ, que aconteceu de setembro de 2023, com apoio da Riofilme. 

No dia seguinte à abertura, os cineastas Paula Gaitán e Walter Fernandes Jr participarão de um debate, após a exibição do média-metragem OSTINATO, de Paula Gaitán. O filme é com e sobre o artista Arrigo Barnabé. 

Este ano a MFL recebeu mais de 1.300 filmes e, para Brasília, selecionou 160, de todas as durações, formatos e gêneros, como tem feito desde 2002, quando debutou no CCBB RJ. Por ali ficou por 18 anos, acontecendo também nos demais CCBBs, de SP, BH e DF, até 2019, quando perdeu o patrocínio e, logo na sequência, enfrentou a pandemia. Em 2020 realizou uma mostra online, com apoio do Pólo de Cinema de Cataguases, e em 2022, com apoio da Riofilme,  realizou uma edição especial online tendo a pandemia como tema dos filmes, que ainda podem ser vistos em https://mostralivre.com/21/ .

Fonte: Panorama Assessoria | Foto: Divulgação