7 lugares para comemorar o ano novo em Brasília 2021

As festas de final de ano estão chegando! Para não descuidar da saúde reservamos algumas dicas de como curtir o réveillon 2021 em Brasília com segurança.

Em tempos de pandemia muita gente vai preferir fazer seu próprio réveillon. E, aquelas clássicas festividades estão a maioria suspensa. Veja algumas dicas que preparamos pra você se divertir.

| Lembrando que todos os cuidados com a Covid-19 é de responsabilidade dos produtores/proprietários/organizadores dos eventos, pois a pandemia ainda continua e prezamos pela saúde. O blog não se responsabiliza por eventos de terceiros, apenas informa onde acontece.

1-Réveillon Intimista

Convide um casal de amigos para as comemorações em casa. Prepare um jantar especial e reserve um tempo para meditar sobre a vida e entrar em 2022 cheio de vibrações positivas.

2-Hotel fazenda

Alguns hotéis fazenda próximos a Brasília oferecem a estadia com direito a aproveitar a ceia de ano novo num local mais sossegado.

3-Banho na prainha na orla do lago?

Nada como renovar as energias através da água. Separe algumas horas na tarde do dia 31 para tomar um banho bem gostoso no Lago Paranoá. Vai na orla da JK, na prainha do Lago Norte ou na Ermida.

4- Casa de Réveillon

Algumas pessoas estão alugando lugares incríveis pelo AirBnB. E por lá tem casas para todos os gostos e estilos. Mansões, casa simples, com ou sem piscina. E é aquela alternativa para quem mora em apartamento. Ou, quem tem família grande!

5-Reservar um quarto de hotel

Para quem não quer gastar muito e quer curtir o Réveillon num clima romântico minha dica é reservar um quarto de hotel no centro de Brasília e curtir uma noite diferente?

6-Comemorar em Família

Prepare uma ceia deliciosa com os familiares. Combine para que cada um prepare uma porção para que ninguém fique sobrecarregado.

7-Réveillon Solidário

Reserve um tempo dentro das comemorações e aproveite para realizar uma boa ação. Reúna amigos ou familiares e prepare refeições para doar para pessoas em situação de vulnerabilidade social.

Por: Késia Paos
Foto: Pexels

@EldoGomes

▶️ Jornalista | Podcaster | You7tuber | Acompanhe no Instagram @EldoGomes | comercial@eldogomes.com.br