Exposição do Corpo de Bombeiros Militar em cartaz no CAT em Brasília

Uma profissão desafiadora que tem como essência prestar socorro ao próximo e salvar vidas. A rotina de um bombeiro militar é baseada em situações de tensão e risco, seja no salvamento em uma cachoeira, no controle de incêndios de grandes proporções ou até na missão honrosa de transportar leite materno e órgãos para doação. Para contemplar este trabalho tão heróico, a mostra “CBMDF: Ação e Arte”, da artista plástica Luiza Aguirre, estará disponível a partir desta quinta-feira (1/4), no Centro de Atendimento ao Turista (CAT) Casa de Chá, localizado na Praça dos Três Poderes. O acervo reúne 50 telas em aquarela e fica em exibição até o dia 16 de abril, das 9h às 18h, com entrada gratuita.

Todos os protocolos de segurança de prevenção à Covid-19, definidos em decreto pelo Governo do Distrito Federal, serão adotados nas visitações. Entre eles, o uso obrigatório de máscara facial e de álcool em gel, bem como o distanciamento com acesso limitado.

Projetada por Oscar Niemeyer, a Casa de Chá é de responsabilidade da Secretaria de Turismo do DF (Setur-DF) e abriga um dos seis Centros de Atendimento ao Turista (CATs) do DF. O espaço foi prontamente cedido pela pasta ao Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF) para ser morada provisória da exposição. A temporada da “CBMDF: Ação e Arte” integra programação especial para todo o mês de abril, organizada pela Setur-DF, aos 61 anos de Brasília e a todos moradores e visitantes da capital federal. “Nossa querida e amada aniversariante é símbolo maior de acolhimento e de capacidade de ressignificação, aspectos tão presentes na trajetória do CBMDF. Neste momento em que precisamos tanto de esperança, é uma honra para a Setur-DF acolher uma mostra que resgata momentos lindos e inspiradores de amor ao próximo e de cuidado com a vida”, ressalta a secretária Vanessa Mendonça.

@EldoGomes

▶️ Jornalista | Podcaster | You7tuber | Acompanhe no Instagram @EldoGomes | comercial@eldogomes.com.br