Será obrigatório apresentar o cartão de vacinação a partir desta 6ª feira

A Secretaria de Saúde informa que a vacinação contra a covid-19 ocorre normalmente para quem ainda não recebeu a primeira dose. No entanto, para tomar a segunda ou dose de reforço, é obrigatório, a partir desta sexta-feira (10), portar o cartão de vacina entregue nas unidades de saúde para que os profissionais possam conferir a data da aplicação do imunizante, o fabricante e os dados pessoais.

Essa necessidade ocorre porque o Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunizações (SIPNI) e outros sistemas da pasta que utilizam a plataforma AWS estão fora do ar, após ataque de hackers aos sites do Ministério da Saúde e ao aplicativo ConecteSUS. Por conta disso, no momento, as equipes não têm acesso ao banco de dados on-line e precisam preencher as fichas à mão para lançamento posterior no sistema.

Enquanto o ConecteSUS estiver fora do ar, a apresentação do cartão físico será obrigatória. Sem a apresentação desse comprovante, não será possível a vacinação da segunda dose ou reforço. A Secretaria de Saúde ressalta que a ação é necessária para evitar a aplicação de doses a mais ou erros de imunização.

A pasta reforça a importância de cuidar e guardar o cartão de vacina que possui informações como a data, o lote do frasco e demais vacinas já feitas pelo usuário do Sistema Único de Saúde (SUS).

Boletins covid-19

A divulgação dos boletins de casos e de óbitos por covid-19 não será afetada. A Secretaria de Saúde faz a captação dos dados diretamente dos laboratórios da rede pública e privada, não utilizando exclusivamente as informações dos sistemas do Ministério da Saúde.

* Com informações da Secretaria de Saúde

Foto: Pexels
Texto: Agência Brasília